emissão em direto

“Once Upon a Pastry”

Alunos da EHTO criam novo concurso nacional de pastelaria literária

A Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO) foi palco nos dias 11 e 12 de janeiro da primeira edição do concurso nacional de pastelaria literária – Once Upon a Pastry.

“Once Upon a Pastry”

A Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO) foi palco nos dias 11 e 12 de janeiro da primeira edição do concurso nacional de pastelaria literária – Once Upon a Pastry.

Tratou-se de uma iniciativa da turma de Gestão e Produção de Pastelaria, com a coordenação do chefe Bruno Marques, que lançou a ideia de criar um concurso de doçaria desafiando os alunos a escolherem o tema.

Considera que a iniciativa foi muito bem conseguida pelos alunos, onde conjugaram a pastelaria, a chocolateria e a Vila Literária de Óbidos. “Foi um grande trabalho para uma primeira edição de um concurso em que não tínhamos nenhum formato que podíamos seguir”, contou o chefe.

Tiveram muitas inscrições, onde foram obrigados a fazer uma pré-seleção com a escolha de 12 alunos de hotelaria do país.

Assim nasceu o “Once Upon a Pastry, um novo concurso de pastelaria que dado ao sucesso vai realizar-se todos os anos na EHTO. “Pretende incentivar a criatividade, inovação e o hábito da leitura nos concorrentes”, explicou Bruno Marques.

O concurso foi “pensado e desenhado pelos alunos e foi o projeto final da turma de Gestão e Produção de Pastelaria”.

pastelaria 2
Turma organizadora da primeira edição do concurso nacional

O coordenador do curso destacou o apoio de grandes marcas da área da pastelaria como de outas empresas locais.

Em declarações ao JORNAL DAS CALDAS, Francisca Rodrigues, aluna e porta-voz da turma, explicou que cada concorrente teve de criar a sua pastelaria inspirada num livro à sua escolha. “O concurso teve duas provas. Cada aluno apresentou a obra escolhida e a sua ligação ao prato. No segundo dia realizou-se a prova prática”, indicou.

Fez ainda parte do projeto um jantar de gala que decorreu no dia 11 de janeiro no Josefa D’Óbidos Hotel. O responsável da unidade hoteleira cedeu o espaço e os pratos ligados ao tema foram confecionados e servidos por alunos de diversas turmas da escola, mas com uma grande coordenação da turma de Gestão e Produção de Pastelaria. “Foi um jantar de acolhimento aos participantes do evento, pensado do ponto de vista literário, onde cada componente do menu que foi servido foi inspirado num livro infantil”, explicou Francisca Rodrigues. 

Durante estes dois dias foram também realizadas mostras de produtos.

Daniel Pinto, diretor da EHTO, disse que a iniciativa surgiu no âmbito da disciplina de Desenvolvimento de Produtos Gastronómicos e a ideia foi criar um projeto coletivo da turma inspirado na Vila Literária de Óbidos com fortes tradições também à chocolateria.

O projeto teve também como intuito reforçar o turismo literário, tema que tem vindo a ser trabalhado nas aulas.

Daniel Pinto destacou a forma como os alunos organizaram o concurso. Trabalharam nos últimos três meses na divulgação, contataram com os patrocinadores e parceiros, entre outros assuntos que envolveu o desenvolvimento do projeto.

O diretor da EHTO considera este tipo de iniciativas “é uma experiência e aprendizagem que chama a atenção para o trabalho de formação que se faz nas escolas” e que tem “impacto na qualidade da mão-de-obra do turismo, um dos sectores mais importantes da economia nacional”.

O responsável quer que o projeto seja uma realidade nos próximos anos.

Presente na escola esteve a apresentadora de televisão Fátima Lopes, que vai dedicar o tema deste concurso nacional de pastelaria literária no seu documentário “Mudar para Melhor”. Esta série nasceu da vontade de mudar mentalidades à volta das profissões que poucas pessoas querem, mas que muita falta fazem à economia do país. “Escolhemos a EHTO porque é pioneira, ativa e com iniciativas inovadoras e o facto de ter um concurso como este onde juntamos a literatura e a gastronomia acaba por ser um desafio muito importante para os alunos”, contou ao JORNAL DAS CALDAS.

A apresentadora considera que a iniciativa é uma boa mostra do quanto “estas profissões estão diferentes em Portugal, mais competitivas e diferenciadoras pela qualidade e onde os jovens conseguem fazer um trabalho de excelência”. “Apesar de serem muito jovens são muito focados nos seus sonhos”, adiantou.

A série pode ser vista no canal YouTube, no Empower Brands Channel.

Aluno de Penafirme foi o vencedor

O vencedor desta primeira edição do concurso foi Nuno Miguel Ramalho, de 17 anos, finalista do Curso de Técnico de Cozinha e Pastelaria da Escola Profissional de Penafirme.

O jovem cozinheiro conquistou o júri com o strogonoff de amendoim com gelado de baunilha, lascas de chocolate e cremoso à base de creme inglês, gelatina e creme de café e crumble de amendoim, inspirados na Tragédia de Hamlet, de william Shakespeare. Ao todo foram nove preparações diferentes. Nuno Miguel Ramalho destacou a excelente organização do concurso e diz que a experiência foi “muito produtiva” e ajudou-o a desenvolver “técnicas novas e a conhecer novos produtos”.

O 2º lugar foi para a aluna Suzana Machado, da Escola de Hotelaria e Turismo do Porto, e a 3ª classificada foi a aluna Beatriz Lourenço, da Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra. 

A EHTO ofereceu ao vencedor o curso de Padaria Avançada e recebeu ainda um showcooking no Festival Internacional de Chocolate de Óbidos. Ao segundo classificado a EHTO ofereceu o curso de Turismo Literário. Uma visita a Melgão Cacau e Chocolates foi outra oferta ao aluno que ficou em segundo lugar. Um estojo Ivo Cutelarias foi o prémio do terceiro classificado.

A Câmara ofereceu aos três primeiros classificados um voucher para frequentar as Termas no Hospital Termal das Caldas.

O painel de jurados do concurso contou com Ricardo Duque, representante da Óbidos Criativa, José Pinho, presidente do Folio Festival, Lara Figueiredo, pasteleira no restaurante Midori – Penha Longa Resort e o chef Francisco Siopa, chef executivo de pastelaria do Penha Longa Resort.

pastelaria 3
A doçaria de Nuno Miguel Ramalho que conquistou o júri
 

Últimas Notícias

Massagem de flores da mata Rainha D. Leonor

Termas abrem época com novidades A época termal na vertente terapêutica da ala sul do Hospital Termal das Caldas da Rainha vai reabrir a 1 de fevereiro com muitas novidades a nível do bem-estar. O lançamento de banhos de rituais de cacau e menta, a massagem de flores da mata Rainha Dona Leonor e rituais […]

Lions formaliza entrega de verba de espetáculo solidário

O Lions Clube das Caldas da Rainha fez no passado dia 30 uma entrega formal ao Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Oeste (CHO) da verba apurada no concerto solidário com o maestro e pianista António Victorino d’Almeida e trio de Pedro Caldeira Cabral. Recorde-se que o espetáculo decorreu no dia 8 de outubro […]

Desfile equestre apresentou reis do carnaval das Caldas

Luís Ventura, de 47 anos, e Mariana Mortágua, de 22 anos, foram escolhidos para serem os reis do carnaval das Caldas da Rainha, encarnando as personagens Zé Povinho e Maria da Paciência, respetivamente, criações de Rafael Bordalo Pinheiro como caricaturas do povo português.

V Jornadas SIPO Júnior

Entre os dias 12 a 15 de abril decorre a 5ª edição das Jornadas da Semana Internacional de Piano de Óbidos (SIPO) Júnior, no Auditório Municipal de Óbidos, com master classes de piano, seminário de improvisação, concertos comentados e uma audição final dos participantes. As jornadas, que contam com o apoio da Câmara Municipal de […]