emissão em direto

próximo programa

Ver programação completa

Apreensão de 640 quilos de pescada na Nazaré

O Subdestacamento de Controlo Costeiro da Nazaré da GNR apreendeu 640 quilos de pescada, com o valor estimado de 6 400 euros, no concelho da Nazaré, no passado dia 30.

No âmbito de uma ação de fiscalização ao transporte de pescado, os militares verificaram que não possuía a medida regulamentar de venda, o que resultou na sua apreensão.

Foi identificado um homem de 41 anos e elaborado um auto de contraordenação, cuja coima pode atingir um valor de 37 500 euros.

A pescada, depois de verificadas as suas condições para consumo humano, foi entregue a instituições de solidariedade social.

A GNR alerta que uma medida de gestão sustentável do pescado é o respeito das medidas mínimas de captura, cujo objetivo é melhorar a rentabilidade potencial do recurso.

Últimas Notícias

Equipa do Acrotramp vence Scalabis Cup

Decorreu nos dias 8, 9 e 10 de julho, a Scalabis Cup, competição Internacional de ginástica, no Pavilhão Desportivo Municipal de Santarém, reunindo cerca de 500 ginastas em representação de vários países. O Acrotramp Clube de Caldas esteve representado nesta competição com seis ginastas seniores de 1ª divisão e elite (três em duplo minitrampolim e três em tumbling).

Caldas da Rainha esteve em alerta mas DGS corrigiu números

A Direção-Geral da Saúde procedeu na passada segunda-feira a uma correção da incidência cumulativa a 14 dias por 100 mil habitantes nas Caldas da Rainha, para o período de 24 de junho a 7 de julho, o que retirou o concelho do estado de alerta em que havia sido colocado indevidamente por resolução do Conselho de Ministros na quinta-feira anterior.

Intensificação da vacinação motiva filas nas Caldas

A intensificação da vacinação para dar resposta à variante Delta da Covid-19 tem causado em alguns períodos filas ao longo de mais de duas horas no exterior do Pavilhão da Mata, onde funciona o Centro da Vacinação, e apesar da dificuldade em dar escoamento ao aumento de utentes, os profissionais de saúde vão tentando gerir a situação após os primeiros dias em que a capacidade de resposta foi insuficiente