emissão em direto

Natal com poupança de energia

Aurea abre evento nas Caldas com a estreia do “Soul Sessions – The Christmas Show”

O programa da animação de natal nas Caldas da Rainha, com o tema “Natal dos Laços”, arranca a 19 de novembro, pelas 21h30, com a inauguração da iluminação natalícia ao som da cantora Aurea, que estreia no palco colocado na Praça 25 de Abril o primeiro concerto da digressão “Aurea Soul Sessions – The Christmas Show”.

Natal com poupança de energia

O programa da animação de natal nas Caldas da Rainha, com o tema “Natal dos Laços”, arranca a 19 de novembro, pelas 21h30, com a inauguração da iluminação natalícia ao som da cantora Aurea, que estreia no palco colocado na Praça 25 de Abril o primeiro concerto da digressão “Aurea Soul Sessions – The Christmas Show”.

Será, também, um momento de inauguração da árvore de natal de 30 metros, com 30 mil lâmpadas led. 

Na conferência de imprensa de apresentação do “Caldas, Rainha do Natal 2022”, que decorreu no passado dia 5, Luís Gomes, presidente da Associação Empresarial das Caldas da Rainha e Oeste (ACCCRO), apelou aos comerciantes que “mantenham as lojas e cafés abertos até mais tarde para que os visitantes tenham uma boa experiência natalícia e possam conhecer e consumir na cidade”.

Em termos de animação, a novidade deste ano será a realização de um “Mercadinho de Natal”, de 1 a 24 de dezembro até às 16h00, com seis “casinhas” na Praça 5 de Outubro, que irá concentrar a maior parte da animação musical e dos espetáculos de teatro que integram a programação. 

“Queremos concentrar a animação dentro da Praça 5 de Outubro, criando um ambiente familiar de convívio com teatro, malabarismo de fogo, concertos itinerantes e onde as crianças poderão ver as árvores das escolas, o Pai Natal e o trenó com bancas de venda de produtos regionais”, adiantou Luís Gomes.

O intuito é, segundo o presidente da ACCCRO, devolver a boa imagem da Praça 5 de Outubro, e criar um ambiente agradável que “melhorou com o investimento que o município já fez com a iluminação”.

O tema trará vários laços para a cidade e um grande na árvore de natal não só para embelezar, mas para reforçar a mensagem dos “laços afetivos com a família e amigos”.

A ideia é também, de acordo com este responsável, trazer às ruas das Caldas um pouco da época medieval, recuando até 1484, ano da fundação do Hospital Termal. “Os primeiros passos deste tema do passado vão arrancar no mercadinho de natal, tentando trazer algumas notas dessa época”, contou.

Na edição deste ano, a autarquia e a ACCCRO estenderam a parceria à associação de solidariedade Ordem do Trevo que, com a ajuda dos comerciantes, irá “recolher mais brinquedos para oferecer a 150 crianças”. José Viegas, presidente da Ordem do Trevo, referiu a importância desta parceria, conseguindo desta forma “chegar a mais pessoas que possam ajudar a Ordem do Trevo a fortalecer a iniciativa “Desembrulhar Sorrisos”, criando melhores condições para a festa de 17 de dezembro. Uma das iniciativas, é o Comboio de Natal, num percurso entre a Praça do Município e a Expoeste e vice-versa, proporcionando momentos de alegria a muitas crianças.

“Redução de 30% do consumo energético”

Na linha do que vem sendo anunciado por outros municípios, a ACCCRO e a Câmara das Caldas reduziram a iluminação de Natal.

As luzes de natal serão ligadas sete dias depois do que costuma acontecer anualmente”, apostando “na sensibilização para a poupança de energia”, afirmou Luís Gomes.

A iluminação vai estar ativa durante cerca de cinco horas na maioria dos dias da quadra, adiantou o presidente da ACCCRO, acrescentando que irá reduzir em cerca de 30% o consumo energético.

As luzes de natal estarão ligadas de 19 de novembro a 6 de janeiro. De 19 de novembro até 6 de dezembro estarão ligadas das 18h00 até às 23h00 e de 6 de dezembro a 6 de janeiro das 18h00 às 24h00. Vai traduzir-se numa diminuição das habituais 385 horas de iluminação para “290 horas com as luzes ligadas” durante a quadra, em que a cidade estará decorada com “2,8 milhões de lâmpadas, ao invés dos quatro milhões usados no ano passado”, explicou o presidente da ACCCRO.

A redução de 23% no número de horas de iluminação irá traduzir-se numa diminuição do consumo energético de 18 para 13 megawatts, bem como na diminuição do número de rotundas iluminadas, que passa de doze para apenas três, “localizadas nas principais entradas da cidade”, acrescentou o responsável.

As iluminações de Natal também ocuparão este ano uma área menor, passando de 15 mil metros quadrados de ruas e edifícios para 13 mil metros quadrados de área decorada com luzes, informou a ACCCRO.

Não haverá projetores de halogéneo, permitindo assim um valor considerável de poupança energética.

O presidente da câmara destacou que o projeto de natal das Caldas “é já uma tradição antiga feita em colaboração com a ACCCRO”.

Não deixou de falar da pandemia e agora a questão da guerra que “está a trazer outras dificuldades e outros problemas que têm a ver com a própria economia e aqui o mote era que os gastos não fossem superiores ao ano anterior”. “Estamos a investir o mesmo valor nas iluminações embora a fazer um pouco menos porque os custos aumentaram imenso e para fazer o mesmo era um custo muito superior”, explicou, considerando que era importante “manter a iluminação para transmitir alguma alegria às pessoas e também para ajudar o comércio local”. Revelou que haverá pequenos apontamentos de iluminação natalícia em todas as freguesias e terá lugar novamente a rota dos presépios pela freguesia dos Vidais.

Anunciou ainda que existirão surpresas com a animação de natal no Parque D. Carlos I, com “ofertas únicas para que as pessoas gostem e voltem às Caldas”.

“Num ano marcado pela crise energética e pela inflação, a ideia é sensibilizar para a poupança energética e, ao mesmo tempo, apoiar os comerciantes locais”, afirmou Vitor Marques.

“Caldas, Rainha do Natal 2022” tem este ano um orçamento de 170 mil euros, 110.700 dos quais para a iluminação e 59.300 para a animação. Segundo os organizadores, houve um aumento de 27 mil euros na animação e “os patrocínios são praticamente nulos, sendo que a receita é nomeadamente das transferências da autarquia”.

Vai ainda decorrer o “Bazar à Noite “, de 1 a 3 de dezembro, na Garagem do Montepio Rainha D. Leonor, uma organização da Associação Destino Caldas.

Haverá o Concurso de Montras de Natal do Comércio Local, entre 8 e 31 de dezembro.

A câmara assume este ano a organização do Caldas Food Festival, que vai ter lugar de 2 a 4 de dezembro na Avenida 1º de Maio. No mesmo dia, se a meteorologia permitir, haverá o passeio do “Balão de Ar Quente”.

Destaque para comboio turístico e para a “Floresta Encantada” – Exposição do Concurso de Árvores da Comunidade Escolar na Praça 5 de Outubro.

Passagem de ano na Expoeste

O município organizou duas noites (30 a 31 de dezembro e de 31 para 1 de janeiro) de festa para a passagem de ano na Expoeste. A primeira festa terá a atuação de dois grupos musicais e a segunda com a Banda Papaléguas, fogo de artifício, entre outra animação.

Na zona do cais da Foz da Arelho também haverá uma passagem de ano com envolvência dos bares locais, que terá fogo de artifício e música.

São 49 dias de iluminação, de 19 de novembro a 6 de janeiro, que farão do “Caldas, Rainha do Natal” um apelo que para os consumidores “comprem no comércio tradicional”.

natal 2
Apresentação do projeto “Caldas, Rainha do Natal 2022”

Últimas Notícias

MDM quer combate à violência contra as mulheres 

O Movimento Democrático de Mulheres (MDM) assinalou a 25 de Novembro o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, tendo realizado um jantar-debate na sede do Clube Recreativo Delgadense, na Delgada, no Bombarral e, na véspera, a distribuição de informação no Agrupamento de Escolas Fernão Pó, na vila.

Governador rotário visita clube local

O Rotary Club das Caldas da Rainha recebeu o Governador do Distrito 1960, Vitor Cordeiro, para uma visita de trabalho, no passado dia 14, numa deslocação que teve o seu início na rotunda Rotary (junto ao Continente), onde se fez uma fotografia de grupo junto ao marco rotário.

Água distinguida pela qualidade

A Câmara Municipal do Cadaval voltou a ser contemplada com o “Selo de qualidade exemplar da água para consumo humano” no âmbito da 17.ª Expo Conferência da Água, realizada em Lisboa, no passado dia 22. A autarquia recebe assim, mais uma vez, a distinção que enaltece a qualidade da sua água. A atribuição deste galardão […]

Frederico Silva novamente finalista no Japão 

Chegou ao fim a digressão asiática do atleta caldense Frederico Silva e no quarto e último torneio disputado na cidade japonesa de Yokkaichi, o jogador do Clube de Ténis das Caldas da Rainha voltou a atingir a final do torneio de categoria 80 do ATP Challenger Tour.