emissão em direto

próximo programa

Ver programação completa

Faleceu um dos bombeiros mais prestigiados do país

A Câmara de Peniche determinou o cumprimento nesta segunda-feira de um dia de luto municipal, com a colocação da bandeira concelhia a meia haste nos edifícios municipais, para prestar homenagem pelo falecimento do antigo comandante e presidente da associação humanitária dos bombeiros voluntários de Peniche, Jacinto Pedrosa, de 91 anos.

“Ficará para sempre na memória de todos os penicheiros, assim como de todos aqueles que tiveram o privilégio de o conhecer pessoalmente”, manifestou o presidente da Câmara, Henrique Bertino.

Jacinto Pedrosa, que também foi vereador na Câmara Municipal de Peniche, foi o segundo bombeiro do país a ser galardoado com a Fénix de Honra. Este distinto galardão da Liga dos Bombeiros Portugueses tinha pela primeira vez sido entregue a Henrique Sales Henriques, antigo comandante dos bombeiros das Caldas da Rainha, tendo Jacinto Pedrosa sido distinguido em 2011 no âmbito das comemorações do 82º aniversário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Peniche.

Já em 1996, nas Caldas da Rainha, aquando do XXXVI Congresso Nacional da Liga dos Bombeiros Portugueses, havido recebido o crachá de ouro, por relevantes serviços prestados aos bombeiros, tendo sido entregue pelo chefe da Casa Militar em representação do Presidente da República. No mesmo ano recebeu a medalha de honra do Município de Peniche, atribuição justificada pelo exercício, durante dez anos, do cargo de presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Leiria e como conselheiro regional dos Bombeiros da Região de Lisboa e Vale do Tejo durante idêntica duração.

Últimas Notícias

Equipa do Acrotramp vence Scalabis Cup

Decorreu nos dias 8, 9 e 10 de julho, a Scalabis Cup, competição Internacional de ginástica, no Pavilhão Desportivo Municipal de Santarém, reunindo cerca de 500 ginastas em representação de vários países. O Acrotramp Clube de Caldas esteve representado nesta competição com seis ginastas seniores de 1ª divisão e elite (três em duplo minitrampolim e três em tumbling).

Caldas da Rainha esteve em alerta mas DGS corrigiu números

A Direção-Geral da Saúde procedeu na passada segunda-feira a uma correção da incidência cumulativa a 14 dias por 100 mil habitantes nas Caldas da Rainha, para o período de 24 de junho a 7 de julho, o que retirou o concelho do estado de alerta em que havia sido colocado indevidamente por resolução do Conselho de Ministros na quinta-feira anterior.