emissão em direto

próximo programa

Ver programação completa

Faltam médicos de família em São Martinho e Alfeizerão

“A Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Litoral – Polo São Martinho do Porto encontra-se com deficiências de funcionamento, nomeadamente, com uma “gritante” carência de médicos de família. Durante os últimos anos, esta unidade de saúde inaugurada em 2016 tem vindo a ser insuficiente na resposta às necessidades de acesso aos serviços básicos de saúde”, denunciam os deputados do PSD na Assembleia da República.

Num requerimento com perguntas à ministra da saúde, os deputados apontam que “o governo tem vindo a exibir estatísticas sobre o aumento dos médicos de família, no entanto, no polo de São Martinho do Porto não há médico de família, e na extensão de Alfeizerão mais de metade dos inscritos também não dispõem de médico de família”.

“Estima-se que estas duas unidades servem mais de seis mil utentes pelo que causa especial apreensão a total falta de planeamento e de capacidade de resposta”, manifestam.

Os deputados interrogam se a ministra vai colmatar as falhas apontadas.

Últimas Notícias

Equipa do Acrotramp vence Scalabis Cup

Decorreu nos dias 8, 9 e 10 de julho, a Scalabis Cup, competição Internacional de ginástica, no Pavilhão Desportivo Municipal de Santarém, reunindo cerca de 500 ginastas em representação de vários países. O Acrotramp Clube de Caldas esteve representado nesta competição com seis ginastas seniores de 1ª divisão e elite (três em duplo minitrampolim e três em tumbling).

Caldas da Rainha esteve em alerta mas DGS corrigiu números

A Direção-Geral da Saúde procedeu na passada segunda-feira a uma correção da incidência cumulativa a 14 dias por 100 mil habitantes nas Caldas da Rainha, para o período de 24 de junho a 7 de julho, o que retirou o concelho do estado de alerta em que havia sido colocado indevidamente por resolução do Conselho de Ministros na quinta-feira anterior.