João Almeida terminou a Vuelta em nono lugar

Ao ficar em nono lugar na 78ª edição da Vuelta (Volta a Espanha), o caldense João Almeida (UAE Team Emirates) atingiu o quinto top10 da sua carreira nas grandes voltas, ainda que desta vez a sua performance não tenha superado anteriores corridas mais empolgantes.

Ao ficar em nono lugar na 78ª edição da Vuelta (Volta a Espanha), o caldense João Almeida (UAE Team Emirates) atingiu o quinto top10 da sua carreira nas grandes voltas, ainda que desta vez a sua performance não tenha superado anteriores corridas mais empolgantes.

O corredor de A-dos-Francos apresentou gripe, dores de garganta e no estômago, e desconforto geral, problemas de saúde que prejudicaram a sua performance na Vuelta e que o impediram a dada altura de lutar por uma classificação melhor, mas ao terminar em nono lugar, cumpridas as 21 etapas, desenroladas entre 26 de agosto e 17 de setembro, mostrou garra e persistência.

Acrescentou mais um top10 à sua carreira, afirmando-se como o segundo melhor português de sempre, atrás de Joaquim Agostinho, que por onze vezes ficou entre os dez primeiros em grandes voltas (na Vuelta um segundo, um sexto e um sétimo lugares, e no Tour de France dois terceiros, dois quintos, um sexto e três oitavos lugares).

João Almeida foi quarto no Giro d’Italia de 2020, sexto em 2021 e terceiro em 2023, e quinto na Vuelta de 2022 e agora nono.

Este ano na prova espanhola concluiu a 10 minutos e 8 segundos do vencedor, o americano Sepp Kuss (Jumbo-Visma).

À frente do ciclista de A-dos-Francos ficaram também o dinamarquês Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma), o esloveno Primoz Roglic (Jumbo-Visma), os espanhóis Juan Ayuso (UAE Team Emirates), Mikel Landa (Bahrain-Victorious) e Enric Mas (Movistar Team), o russo Aleksandr Vlasov (Bora – hansgrohe) e o belga Cian Uijtdebroeks (Bora – hansgrohe).

Na classificação da juventude (camisola branca), João Almeida, de 25 anos, foi terceiro, atrás de Juan Ayuso, de 20 anos, e de Cian Uijtdebroeks, de 20 anos. O caldense ficou a 6 minutos e 50 segundos do detentor da camisola.

A melhor etapa para o caldense foi a décima, o contrarrelógio em Valladolid, na distância de 25,8 quilómetros, onde ficou em quarto lugar, permitindo-lhe subir quatro posições na geral (na altura do décimo para sexto). Na oitava etapa ficou em sexto, tal como na décima sétima, e na terceira etapa em nono, tendo sido estas quatro em que terminou no top 10.

Por equipas, a Jumbo-Visma dominou. Vencedora do Giro d’Italia através de Primoz Roglic e do Tour de France por Jonas Vingegaard, a equipa fez história ao subir ao lugar mais alto do pódio nas três grandes corridas da temporada. Na Vuelta triunfou com 20 minutos e 49 segundos de vantagem sobre a segunda classificada, a Bahrain – Victorious. A Bora – hansgrohe ficou em terceiro e relegou a UAE Team Emirates para quarto.

Na equipa de João Almeida o melhor foi Juan Ayuso, que terminou na quarta posição.

João Almeida foi o português melhor classificado. Rui Costa (Intermarché – Circus – Wanty) acabou na 41.ª posição da geral, Nelson Oliveira (Movistar Team) foi 53.º, André Carvalho (Cofidis) 134.º e Rui Oliveira 148.º e último (UAE Team Emirates).

Últimas Notícias

Rampa Foz do Arelho

Com uma valiosa lista de inscritos, composta por 55 concorrentes a competirem pela classificação nas categorias desportivos, clássicos e protótipos, e no cenário deslumbrante da Foz do Arelho, no passado domingo realizou-se uma das mais tradicionais provas de Regularidade Sport Plus de Rampa, que integram o calendário da Series by NDML 2024, organizada pelo Núcleo Desportos Motorizados de Leiria.

Câmara do Cadaval rejeita críticas ao apoio a corrida de galgos

A Câmara Municipal do Cadaval defendeu que a corrida de galgos realizada no passado dia 21 no concelho “não infringiu qualquer normativo legal em vigor”, pelo que a autarquia não se revê na forma nem no conteúdo dos comentários proferidos, que a acusavam de pactuar com uma iniciativa que maltratava os animais.

Mostra Coletiva de Arte Visual

De 11 de maio a 1 de junho estará patente na Galeria de Exposições do Espaço Turismo das Caldas da Rainha e Restaurante Coletivo, ao lado, uma mostra coletiva de arte visual.

Conversa e eco-caminhada em Salir do Porto

A Ágora – Associação Ambiental, em parceria com o Geoparque Oeste (Geoparque Mundial da UNESCO), vai realizar uma conversa sobre a bio e geodiversidade de Salir do Porto. Seguir-se-á uma eco-caminhada, apanhando o que for encontrado pelo caminho, com o apoio da Quinta de Salir (Associação Pelicano Radiante).

António Morgado ganha etapa em Espanha

No espaço de uma semana, o ciclista caldense António Morgado voltou a ganhar no estrangeiro, desta vez triunfando na segunda etapa da Volta às Asturias, em Espanha, no passado dia 27.