emissão em direto

próximo programa

Ver programação completa

Mais 5 mortes no Oeste e Caldas lidera casos ativos

Houve mais cinco mortes associadas à Covid-19 na região Oeste, em relação à semana passada, tendo sido registadas em Torres Vedras (2), Peniche, Cadaval e Alenquer. Os dados divulgados até à noite de dia 15 de novembro davam conta que o concelho de Torres Vedras era onde se verificava até agora o maior número de […]

Houve mais cinco mortes associadas à Covid-19 na região Oeste, em relação à semana passada, tendo sido registadas em Torres Vedras (2), Peniche, Cadaval e Alenquer. Os dados divulgados até à noite de dia 15 de novembro davam conta que o concelho de Torres Vedras era onde se verificava até agora o maior número de falecimentos, 185 óbitos.

O concelho das Caldas da Rainha era o segundo com mais mortes (144, não atualizou), seguindo-se Alcobaça 83 (não atualizou), Alenquer 82 (mais 1), Arruda dos Vinhos 61 (não atualizou), Peniche 52 (mais 1), Óbidos 49 (manteve), Lourinhã 39 (manteve), Sobral de Monte Agraço 24 (manteve), Bombarral 23 (manteve), Nazaré 22 (manteve) e Cadaval 20 (mais 1).

No total, foram registados 784 óbitos (mais 5) na região Oeste.

Em relação aos casos ativos na Região Oeste, a soma não se torna possível uma vez que o concelho de Alenquer não divulga e Alcobaça e Arruda dos Vinhos não atualizaram, mas no total dos restantes nove concelhos houve mais 84 casos ativos.

Em Caldas da Rainha havia 129 casos ativos (mais 27), em Peniche 80 (mais 31), Torres Vedras 59 (menos 25), Lourinhã 71 (mais 13), Nazaré 50 (mais 15), Cadaval 36 (sem comparação), Óbidos 19 (mais 11), Bombarral 18 (mais 12) e Sobral de Monte Agraço 0 (manteve).

Não pertencendo à região Oeste, mas por ser um concelho que faz fronteira com o de Caldas da Rainha, eis os dados referentes a Rio Maior: 57 (mais 1) óbitos e 32 (menos 8) casos ativos. No total já houve 3048 (mais 24) infetados e 2959 (mais 31) recuperaram. Havia 21 (menos 52) pessoas em vigilância ativa.

A taxa de incidência a 14 dias por 100 mil habitantes aumentou de 126 para 212 (mais 86) nas Caldas da Rainha, continuando abaixo do limite admissível (mais de 240 casos).

Na região, estavam a vermelho (acima do limite), os concelhos de Nazaré 463 (mais 309), Rio Maior 301 (menos 123) e Peniche 251 casos (mais 71).

Lourinhã apresentava uma taxa de incidência de 225 (menos 77) por 100 mil habitantes, Alcobaça 164 (menos 3), Cadaval 146 (menos 247), Bombarral 118 (mais 71), Óbidos 108 (manteve), Torres Vedras 93 (menos 10), Alenquer 45 (mais 18), Sobral de Monte Agraço 37 (manteve) e Arruda dos Vinhos 32 (menos 12).

Total de casos confirmados: Torres Vedras – 7411 (mais 32); Alenquer – 4941 (mais 10); Peniche – 2558 (mais 50), Lourinhã – 1984 (mais 23); Sobral de Monte Agraço – 1209 (manteve); Nazaré – 1244 (mais 40); Cadaval – 825 (sem comparação); Óbidos – 803 (mais 13); Bombarral – 792 (mais 15); Caldas da Rainha, Alcobaça e Arruda dos Vinhos não divulgaram.

Total de casos recuperados: Torres Vedras – 7167 (mais 55); Peniche – 2426 (mais 18); Lourinhã – 1874 (mais 10); Sobral de Monte Agraço – 1185 (manteve); Nazaré – 1172 (mais 25); Cadaval – 769 (sem comparação); Bombarral – 751 (mais 3); Óbidos – 737 (mais 2). Caldas da Rainha, Alcobaça, Arruda dos Vinhos e Alenquer não divulgaram.

Ao nível das freguesias, no concelho de Peniche existiam 34 casos (mais 42) em Atouguia da Baleia, 30 (manteve) na cidade e 16 (mais 4) em Ferrel. Em quarentena/sob vigilância estavam 618 (mais 298) pessoas.

A distribuição de casos ativos pelas freguesias da Nazaré registava 44 na vila (mais 12), 4 (mais 4) em Famalicão e 2 (manteve) em Valado dos Frades.

Na Lourinhã havia 170 (mais 36) pessoas em isolamento e 83 (mais 3) em vigilância passiva.

A distribuição de casos ativos pelas freguesias de Torres Vedras fazia-se da seguinte forma: Silveira: 14 (mais 11); Santa Maria, São Pedro e Matacães: 12 (menos 14); União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira: 6 (mais 5); Ventosa: 6 (manteve); União das Freguesias de Campelos e Outeiro da Cabeça: 5 (menos 5); União das Freguesias de Maxial e Monte Redondo: 4 (menos 6); Freiria: 3 (menos 7); Ponte do Rol: 3 (manteve); São Pedro da Cadeira: 2 (menos 1); Turcifal: 2 (menos 2); Ramalhal: 1 (menos 2); União das Freguesias de Carvoeira e Carmões: 1 (menos 4).

Em Torres Vedras existiam 111 (menos 2) contactos sob vigilância ativa das autoridades de saúde.

Em Sobral de Monte Agraço havia 5 (menos 4) pessoas em vigilância sobreativa (efetuada pelos médicos de medicina geral e familiar) e 5 pessoas (menos 4) em isolamento.

Casos nas escolas

O Agrupamento de Escolas Raul Proença, nas Caldas da Rainha, divulgou no dia 11 que havia um surto na Escola Básica de Santo Onofre, numa turma do 1º ciclo, que está em isolamento profilático entre 12 e 21 de novembro.

Na mesma escola verifica-se o caso de um aluno do 5º D, sem isolamento da turma.

Na Escola Básica do Bairro dos Arneiros há um aluno infetado no 3º A, também sem isolamento da turma.

Existem quatro professores infetados – dois da Escola Secundária Raul Proença, um da Escola Básica de Santo Onofre e outro da Escola Básica do Bairro dos Arneiros.

No caso do Bairro dos Arneiros, a turma BA 1A que a docente infetada lecionou nos dias 8 e 9 e novembro cumpre isolamento profilático, por indicação da autoridade de saúde local, que acompanha o processo em articulação com a direção do agrupamento.

Foram declarados recuperados dois alunos do Centro Escolar, um professor e dez alunos da Escola Básica de Santo Onofre, três alunos da Escola Secundária Raul Proença e um elemento não docente da Escola Básica do Bairro da Ponte.

Na Escola Básica da Praia da Areia Branca, na Lourinhã, foram testadas 93 pessoas, entre alunos, professores, auxiliares, familiares e outros, com o total de 23 positivos, dos quais 13 alunos (10 da turma A e 3 da turma B) e 10 familiares.

Surtos em lares

No lar da Associação Social, Cultural e Humanitária da Atalaia, na Lourinhã, havia 32 positivos (26 residentes e 6 funcionários).

O surto de Covid-19 no lar da Associação Desportiva, Recreativa e Cultural de Monte Redondo, em Torres Vedras, não registava casos ativos, tendo apresentado 39 casos recuperados e 5 óbitos.

Vacinação de bombeiros

Começa no dia 22 de novembro o processo de administração em simultâneo das vacinas contra a gripe e doses de reforço da vacina contra a Covid-19 aos bombeiros, que se torna importante devido à dimensão operacional do transporte pré-hospitalar que executam.

Com o início, nesta fase, do processo de coadministração das duas vacinas aos bombeiros, reconhece-se o papel que estes têm desempenhado no combate à pandemia da Covid-19.

Ao nível de cada corpo de bombeiros, a seleção e ordem de vacinação é da responsabilidade do respetivo comandante, tendo por referência os critérios operacionais definidos pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.

Últimas Notícias

Gaeiras reúne 100 artistas e cerca de 2000 presépios

De 8 a 26 de dezembro vai decorrer no Convento de São Miguel, nas Gaeiras, a 14ª Grande Exposição de Presépios. Durante estes dias, entre as 14 e as 18 horas, poderão ser vistas as obras de 100 artistas e apreciados cerca de dois mil presépios. A diversidade dos materiais, como o barro, a casca de ovo, a madeira, o ferro, o tecido, a joalharia, a cortiça, o vidro, ou até mesmo componentes eletrónicos, constitui uma atração.

EBI Santo Onobre quer incentivar utilização da bicicleta

No âmbito do Desporto Escolar (DE), a Escola Básica de Santo Onofre, nas Caldas da Rainha, aderiu ao projeto “DE sobre rodas”, que consiste em recolher bicicletas que sirvam para crianças, dos 5 aos 12 anos, ainda em condições para serem usadas, mesmo que precisem de uma pequena reparação.