emissão em direto

Prisão preventiva para assaltantes

Uma dupla indiciada da prática de um crime de roubo e de cinco crimes de furto, quatro deles qualificados, nas Caldas da Rainha, Óbidos e Bombarral, ficou em prisão preventiva, depois de ter sido presente a tribunal no passado dia 23.

Uma dupla indiciada da prática de um crime de roubo e de cinco crimes de furto, quatro deles qualificados, nas Caldas da Rainha, Óbidos e Bombarral, ficou em prisão preventiva, depois de ter sido presente a tribunal no passado dia 23.

O Ministério Público apresentou os dois indivíduos, de 22 e 35 anos, a primeiro interrogatório judicial no Tribunal das Caldas da Rainha, na sequência da detenção efetuada pelo Núcleo de Investigação Criminal das Caldas da Rainha da GNR.

O crime de roubo indiciado foi cometido no dia 4 de maio e ocorreu no Bombarral. Os arguidos, atuando em conjunto, arrancaram pelo método de esticão e apoderaram-se de um fio a imitar ouro que a vítima trazia ao pescoço, quando esta circulava a pé.

Os crimes de furto indiciados foram cometidos no período compreendido entre 26 de agosto e 21 de dezembro deste ano, nos concelhos de Caldas da Rainha, Óbidos e Bombarral. Os arguidos, mais uma vez em conjunto, dirigiram-se a vários veículos que se encontravam estacionados na via pública, partiram os respetivos vidros e deles retiraram os objetos e dinheiro que se encontravam no seu interior. Ao todo, apropriaram-se de valores e bens no montante global de mais de sete mil euros. 

Ambos já haviam sido anteriormente condenados pela prática de crimes de furto, e um deles também de roubo, em penas de prisão efetiva.

Últimas Notícias

Suspeito de esfaqueamento detido pela Judiciária

Um homem de 24 anos que tentou matar outro com uma faca, no ano passado em Rio Maior, foi detido no dia 24 de maio pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria da Polícia Judiciária em Ferrel, no concelho de Peniche.

João Almeida com Covid-19 desiste do Giro d’Italia

A 18ª etapa do Giro d’Italia, nesta quinta-feira, fica marcada pela ausência do ciclista caldense João Almeida, que acusou positivo à Covid-19, sendo assim forçado a abandonar a prova, quando ocupava o quarto lugar, a 1 minuto e 54 segundos do líder e a 49 segundos do pódio.