emissão em direto

Prova de triatlo de São Martinho quer ser “referência” nos eventos desportivos nacionais

A freguesia de São Martinho do Porto vai receber nos dias 17 e 18 de setembro a primeira edição da prova de triatlo, que vai envolver entre 800 a 1000 atletas, durante as duas provas do calendário nacional de sprint e uma de águas abertas. O evento, que é uma iniciativa conjunta do Município de Alcobaça, Junta de Freguesia de São Martinho do Porto, Federação de Triatlo de Portugal e Clube de Natação de Alcobaça pretende ser “mais uma referência nas provas de triatlo nacionais”.

A freguesia de São Martinho do Porto vai receber nos dias 17 e 18 de setembro a primeira edição da prova de triatlo, que vai envolver entre 800 a 1000 atletas, durante as duas provas do calendário nacional de sprint e uma de águas abertas. O evento, que é uma iniciativa conjunta do Município de Alcobaça, Junta de Freguesia de São Martinho do Porto, Federação de Triatlo de Portugal e Clube de Natação de Alcobaça pretende ser “mais uma referência nas provas de triatlo nacionais”.

Esta primeira edição da prova triatlo, que será apadrinhada pelos atletas olímpicos da modalidade, naturais do concelho de Alcobaça, Melanie Santos e João Silva, inclui três competições desportivas. No primeiro dia, a partir das 10h00, o Campeonato Nacional de Clubes Estafetas, que é exclusivo para atletas federados e, à tarde uma prova de natação de águas abertas.

No dia 18 haverá também, a partir das 10h00, a Taça de Portugal, aberta a atletas não federados.

A Taça de Portugal é realizada na distância sprint, incluindo 750 metros de natação na baía, 20 quilómetros de ciclismo e termina com 5 quilómetros de corrida na marginal ao longo da baía. “Vão ser três competições, que têm o intuito de divulgar a modalidade na região de Alcobaça e atrair mais adeptos ao triatlo, mas também trazer cada vez mais atletas internacionais ao concelho”, sublinhou o triatleta Ricardo Santos, na apresentação da 1ª Prova de Triatlo, que se realizou na passada segunda-feira, no Miradouro do Cruzeiro, em São Martinho do Porto.

O alcobacense, que faz parte da organização, afirmou que “vamos todos verter energias para conseguirmos fazer um evento de grande dimensão em São Martinho do Porto”.

Durante dois dias, a prova poderá envolver entre 800 e 1000 atletas durante as três competições, e isso “terá seguramente um reflexo e um grande impacto na economia local”.

Paulo Marques, responsável técnico pelo Clube Natação de Alcobaça, referiu que “a nossa intenção é promover as excelentes condições que temos na baía de São Martinho do Porto para uma prova de águas abertas e futuramente incluir esta prova no calendário nacional de competições de Natação em Águas Abertas”.

A prova, que vai envolver 25 entidades e que tem o protocolo para se realizar durante três anos na vila, pretende reforçar o posicionamento do concelho de Alcobaça como anfitrião de grandes eventos desportivos nacionais. “O nosso objetivo é sermos mais uma referência nas provas de triatlo nacionais, e conseguirmos ter aqui provas diferenciadas”, adiantou o vereador do desporto, João Santos.

Na opinião do presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, Hermínio Rodrigues, “a modalidade do triatlo tem praticantes de nível olímpico no concelho, como são os casos de João Silva, Melanie Santos e mais recentemente a Raquel Rocha”. “Trata-se de uma modalidade em expansão e com ‘matéria-prima’ de grande valor no concelho. Julgo que será mais uma excelente oportunidade de colocar o nome de São Martinho do Porto e, sobretudo do concelho de Alcobaça, num patamar mais elevado ao nível da organização de grandes eventos desportivos”, manifestou.

O evento desportivo, que terá um investimento total que “ultrapassará os 50 mil euros”, poderá atrair à vila “largas centenas de atletas e respetivos familiares durante o fim-de-semana da prova, o que terá, certamente, um impacto muito positivo para a economia local”, esclareceu o autarca.

Em representação da Federação de Triatlo de Portugal esteve Bruno Salvador, que disse que “finalmente, este ano conseguimos lançar este primeiro evento e espero que seja o primeiro de muitos, pois a baía reúne todas as condições para a realização de uma excelente prova”.

Na conferência de imprensa também estiveram a presidente do Clube Natação de Alcobaça, Cidália Branco, o presidente da Junta de Freguesia de São Martinho do Porto, Nuno Vieira, e o secretário da junta, Ricardo Macedo, que fazem parte da organização do evento.

Além das provas nacionais, o evento desportivo também terá animação para toda a família, com dj’s e insufláveis.

Últimas Notícias

Dia Europeu Sem Carros

As uniões de freguesias de Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório e Santo Onofre e Serra do Bouro, juntaram-se à Câmara Municipal das Caldas da Rainha e a outras entidades para, em conjunto, celebrar o Dia Mundial Sem Carros, a 22 de setembro.

Kidicaldas incentiva o uso da bicicleta nas deslocações diárias

A 2ª edição do Kidicaldas aconteceu no passado sábado e contou com uma forte participação de crianças e adultos, nos mais variados tipos de bicicleta. Os otogenários Virgínia e Mário Tavares foram conduzidos num trishaw, com direito ao vento nos cabelos.

I Gala do Desporto e da Atividade Física

No dia 15 de outubro terá lugar no Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha a I Gala do Desporto e da Atividade Física. Encontram-se abertas as votações para as diferentes categorias.

Treinos na Escola de Atletismo do Arneirense

Os benjamins da Escola de Atletismo do Arneirense estão de volta dia 4 de outubro, pelas 18h, na Expoeste, podendo praticar atletismo adaptado para crianças e também a nova novidade, o Laser-Run.