emissão em direto

Radiocomunicações de barcos fiscalizadas

A Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) levou a cabo no último trimestre de 2021 um conjunto de ações de fiscalização com a Polícia Marítima, numa zona compreendida entre os portos de Caminha e Peniche.

A Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) levou a cabo no último trimestre de 2021 um conjunto de ações de fiscalização com a Polícia Marítima, numa zona compreendida entre os portos de Caminha e Peniche.

As operações visaram a verificação do estado, operacionalidade e correta utilização dos equipamentos de radiocomunicações instalados a bordo de embarcações.

No total, foram verificadas 20 embarcações, de pesca costeira, pesca longínqua, navios hotel e barcos de recreios.

Nestas ações conjuntas com a Polícia Marítima, as infrações ou anomalias detetadas com mais frequência prenderam-se com a utilização de frequências não autorizadas ou não atribuídas ao serviço móvel marítimo. Nalguns casos, foram detetados equipamentos não certificados ou não apropriados para utilização em embarcações, bem como dispositivos de encriptação de radiocomunicações, não autorizados.

A ANACOM fez as perícias aos equipamentos, cabendo à Polícia Marítima tomar as medidas necessárias.

Últimas Notícias

Funcionária acusada de desviar dinheiro de taxas moderadoras

O Ministério Público deduziu acusação contra uma mulher que exerceu funções no serviço de atendimento complementar da Nazaré, pertencente ao Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Oeste Norte, e que nesse âmbito está indiciada da prática de crimes de peculato e de recebimento indevido de vantagem.

Uma semana com mais 5 mortes e mais 1172 casos ativos no Oeste

Os dados divulgados até à noite de 10 de fevereiro davam conta que no total, desde o início da pandemia, foram registados 831 óbitos (mais 5 em relação à semana passada) na região Oeste associados à Covid-19. O concelho de Torres Vedras era onde se verificava o maior número de falecimentos, que ascendem a 197 […]