emissão em direto

próximo programa

Ver programação completa

“Tocatas de Verão” no Parque de Lazer

Após um ano de interrupção devido à pandemia, as “Tocatas de Verão” regressam nos dias 9, 10 e 11 de julho ao Cadaval, para a sua 14ª edição. A iniciativa terá lugar no Parque de Lazer, junto ao Museu Municipal, e o acesso presencial ao evento é gratuito mas limitado, ficando condicionado a pré-inscrição.

Está assim de volta uma iniciativa que pretende demonstrar o trabalho desenvolvido pelas bandas locais e ao nível da formação musical, bem como proporcionar espetáculos musicais gratuitos e ao ar livre.

As “Tocatas de Verão” constituem uma iniciativa anual organizada conjuntamente pela Associação Filarmónica e Cultural do Cadaval (AFCC) e Câmara Municipal do Cadaval, com apoio da Junta de Freguesia do Cadaval e Pero Moniz.

A abrir o ciclo de concertos, na próxima sexta-feira, pelas 21h00, acontecem as atuações da Orquestra Juvenil da AFCC e do MusiCult, projeto orquestral visitante.

No sábado, pelas 21h00, segue-se uma audição de alunos pela Escola de Música da AFCC e do Musiforma, projeto municipal de formação musical.

No domingo, pelas 17h30, terão lugar as performances da Banda da Associação Filarmónica 1º Dezembro de Pragança e Grupo “Vilar a Cantar”, conjunto de música popular portuguesa.

O acesso presencial às “Tocatas de Verão” é limitado a 100 participantes por noite (lugares sentados), sendo necessário efetuar inscrição, que pode ser feita online, no endereço http://tocatas.cm-cadaval.pt, até às 16h00 de dia 9.

No caso de ficarem lugares por preencher na fase de pré-inscrições, abrirá possibilidade de inscrição no próprio dia, no local do evento.

Últimas Notícias

Equipa do Acrotramp vence Scalabis Cup

Decorreu nos dias 8, 9 e 10 de julho, a Scalabis Cup, competição Internacional de ginástica, no Pavilhão Desportivo Municipal de Santarém, reunindo cerca de 500 ginastas em representação de vários países. O Acrotramp Clube de Caldas esteve representado nesta competição com seis ginastas seniores de 1ª divisão e elite (três em duplo minitrampolim e três em tumbling).

Caldas da Rainha esteve em alerta mas DGS corrigiu números

A Direção-Geral da Saúde procedeu na passada segunda-feira a uma correção da incidência cumulativa a 14 dias por 100 mil habitantes nas Caldas da Rainha, para o período de 24 de junho a 7 de julho, o que retirou o concelho do estado de alerta em que havia sido colocado indevidamente por resolução do Conselho de Ministros na quinta-feira anterior.