emissão em direto

Inaugurado na Usseira o Óbidos Off-Road Center

Foi inaugurada no passado sábado a primeira fase do Óbidos Off-Road Center, um projeto museológico na área dos veículos de todo-o-terreno “vintage”, localizado na Usseira, que terá também uma componente pedagógica.

Foi inaugurada no passado sábado a primeira fase do Óbidos Off-Road Center, um projeto museológico na área dos veículos de todo-o-terreno “vintage”, localizado na Usseira, que terá também uma componente pedagógica.

A inauguração foi presidida pelo presidente do Automóvel Clube de Portugal, Carlos Barbosa, e contou com a presença de mais de uma centena de praticantes do todo-o-terreno, que participaram nesse dia no IV Passeio Fora de Estrada ACP Clássicos.

Carlos Barbosa elogiou a visão de Carlos Ribeiro, considerando que o fundador do Óbidos Off-Road Center “está de parabéns” pelo investimento realizado e “pelo arrojo” em construir um espaço que alberga a coleção de viaturas fora de estrada do gestor e técnico de todo-o-terreno.

Carlos Ribeiro tem estado sempre ligado aos veículos TT, não só como colecionador, mas também como utilizador diário, formador e organizador de eventos, entre outras facetas.

Quando trabalhou na Autoteste, que era representante da Fiat na altura, criou o clube Fiat Panda 4×4, “que fez furor em Portugal e em Espanha”, recordou. Entusiasmado com este sucesso, saiu da empresa e começou a trabalhar por conta própria com outras marcas de automóveis para desenvolver atividades TT.

Desde então tem-se desmultiplicado em eventos como apresentação de veículos, ações de formação, gestão de produto, criar clubes e expedições a locais como Marrocos. Já deu, por exemplo, formação de condução TT aos elementos do Grupo de Intervenção, Proteção e Salvamento da GNR (atual Unidade de Emergência de Proteção e Socorro).

Bombeiros e vendedores de jipes foram outros dos profissionais que puderam aprender melhor sobre a condução destes veículos.

Essas formações foram dadas nos trilhos de Óbidos e Peniche, mas também noutras áreas do país.

Concretização de um sonho

Carlos Ribeiro assumiu que aquele projeto de cariz museológico, atualmente com 20 veículos, é a “concretização de um sonho de menino”.

Focado na área dos veículos “vintage”, o Óbidos Off-Road Center pretende estar ao serviço do público através da realização de visitas guiadas, a organização de eventos corporativos e desenvolvimento de atividades ligadas à fotografia e à escrita criativa.

De momento, estão disponíveis para visita as galerias Cournil/UMM e Jeep, com um espaço de tributo a Zica Capristano, viajante, explorador e antropólogo da imagem, o qual, pelas suas viagens e reportagens fotográficas um pouco por esse mundo fora, muito influenciou em jovem o fundador deste espaço.

Oriundo de uma conhecida família com fortes ligações às Caldas da Rainha, Zica Capristano foi um antropólogo, que se notabilizou pela capacidade de viajar e documentar as culturas do mundo. Autor de uma vasta obra literária, com grande recurso à fotografia, visitou 168 países e conheceu quatro continentes, usando a fotografia e a escrita como instrumentos de divulgação de povos e seus modos de vida.

Em muitos desses périplos privilegiou o jipe português UMM como modo de deslocação, nomeadamente na viagem Lisboa-Macau.

Carlos Ribeiro classifica-o como o último “grande globetrotter português”, um homem que “não se limitou a ficar no sofá”.

O colecionador lembra que nunca foi tão fácil e barato viajar. “O facto de sair, conhecer, ver outras realidades, usos e costumes modificou-me enquanto pessoa e acredito que pode modificar muitas outras pessoas”, disse o fundador do Óbidos Off-Road Center.

Para além da exposição dos veículos, o centro vai ter uma componente de formação. No local está um jipe UMM serrado ao meio para que qualquer pessoa possa ver como funciona a sua mecânica. “Assim podem perceber o que acontece na realidade quando mexem nas alavancas dos seus veículos”, explicou o fundador.

Vai ainda providenciar o aluguer das viaturas para eventos, como casamentos e anúncios, mas também disponibilizar o espaço para outros eventos.

Entretanto, já foi adquirido um edifício no espaço contíguo que será também transformado numa galeria, dedicada ao deserto Sahara. A segunda fase do projeto contempla ainda um bar de tapas.

A 2 de março será realizado um dia de “portas abertas”, para que todos os interessados possam conhecer este espaço de cariz museológico, que visa a preservação da memória da indústria automóvel.

A iniciativa coincidiu com a realização do IV Passeio Fora de Estrada ACP Clássicos, que começou manhã cedo em Peniche, com muitos apaixonados do 4×4 a conhecerem alguns dos trilhos da região, e terminou ao fim da tarde, na Usseira. No total participaram 62 jipes.

Carlos Ribeiro participou na elaboração do percurso, o qual incluiu uma visita ao Santo Antão e outros locais com uma vista privilegiada. Apesar de não terem escolhido travessias mais difíceis, foram incluídos alguns pontos onde foi possível perceber as potencialidades de utilizar um veículo TT.

Últimas Notícias

EB de St.º Onofre convida população a participar numa Flash Mob

No âmbito das comemorações dos 30 anos da EB de St.º Onofre do Agrupamento de Escolas Raul Proença, vai ser realizada uma iniciativa de mobilização pela turma H do 5.º ano, no âmbito de um projeto interdisciplinar envolvendo as disciplinas de Cidadania e Desenvolvimento, Inglês, Educação Musical e Educação Física.

Bombeiros não querem ser associados a elemento participante em “reality show”

Os Bombeiros Voluntários do Bombarral emitiram um comunicado, assinado pelo comandante, Pedro Lourenço, e pelo presidente da associação humanitária, Vítor Garcia, em que repudiam ser associados a atitudes por parte de um dos seus elementos, Tiago Rodrigues, que esteve a participar no programa “Era uma vez na Quinta”, transmitido na SIC.